sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

ESTÃO RASGANDO O MANTO SAGRADO DA P. DE SANTA CLARA.




No ano de 1985, chegamos para passar o verão, trabalhando com o comercio de bar, aqui na praia de Santa Clara. Terminou o verão, ficamos na intenção de voltar à nossa terra, após a Semana Santa. Passou a Semana Santa, a amizade com os moradores e veranistas foi aumentando, até que decidimos ficar por aqui e estamos até hoje. 

Aprendemos a amar esta terra, de tal maneira, que tudo que venha depedrar, qualquer área, saímos em sua defesa. Com o passar dos anos, fomos acostumando com tudo que a natureza colocou neste lugar, principalmente este manto verde, um bosque com árvores centenárias, que até 2009, continuava virgem.

No ano de 2009, o município de São Francisco de Itabapoana, foi vítima de uma grande enchente e para escoar as águas que atingiram a maioria das casas, a prefeitura, através da Defesa Civil, foi obrigada a adentrar a este bosque e abrir uma vala. Infelizmente, foram retiradas algumas árvores, que não alteraram muito o ambiente. 

Deveriam de ter replantado, mas não o fizeram. Até então, todos respeitavam aquela área, como se fosse um Manto Sagrado. Dali não se tirava um cabo para enchada, tamanho era o amor a aquele bosque.

Sem querer discutir Leis ou direitos imobiliários, pois não entendo desta área. Sem querer polemizar, se alguém tem ou não o direito de desmatar o bosque, conforme vem acontecendo, porém quero ter o direito de ficar triste e até de chorar por cada árvore arrancada e queimada. 

Como as coisas estão acontecendo: Uma árvore centenária, como esta, por exemplo, agem da seguinte maneira: Colocam lixo na raiz e em seguida, poem fogo, provocando a morte da mesma. Cortam e depois queimam o restante.


  Não entendemos de Leis Imobiliárias, mas conhecemos um pouco das Leis que proíbem o desmatamento ilegal.

Segundo o atual Código Florestal, Lei nº12.651/12:
Art. 3o Para os efeitos desta Lei, entende-se por:
(...)
II - Área de Preservação Permanente - APP: área protegida, coberta ou não por vegetação nativa, com a função ambiental de preservar os recursos hídricos, a paisagem, a estabilidade geológica e a biodiversidade, facilitar o fluxo gênico de fauna e flora, proteger o solo e assegurar o bem-estar das populações humanas
;
Áreas de preservação permanente (APP), assim como as Unidades de Conservação, visam atender ao direito fundamental de todo brasileiro a um "meio ambiente ecologicamente equilibrado", conforme assegurado no art. 225 da Constituição. No entanto, seus enfoques são diversos: enquanto as UCs estabelecem o uso sustentável ou indireto de áreas preservadas, as APPs são áreas naturais intocáveis, com rígidos limites de exploração, ou seja, não é permitida a exploração econômica direta. As atividades humanas, o crescimento demográfico e o crescimento econômico causam pressões ao meio ambiente, degradando-o. Desta forma, visando salvaguardar o meio ambiente e os recursos naturais existentes nas propriedades, o legislador instituiu no ordenamento jurídico, entre outros, uma área especialmente protegida, onde é proibido construir, plantar ou explorar atividade econômica, ainda que seja para assentar famílias assistidas por programas de colonização e reforma agrária.
Somente órgãos ambientais podem abrir exceção à restrição e autorizar o uso e até o desmatamento de área de preservação permanente rural ou urbana mas, para fazê-lo, devem comprovar as hipóteses de utilidade pública, interesse social do empreendimento ou baixo impacto ambiental (art. 8º da Lei 12.651/12).
As APPs se destinam a proteger solos e, principalmente, as matas ciliares. Este tipo de vegetação cumpre a função de proteger os rios e reservatórios de assoreamentos, evitar transformações negativas nos leitos, garantir o abastecimento dos lençóis freáticos e a preservação da vida aquática.

Não fomos nós que fizemos e nem tão pouco aprovamos a Lei 12.651/12, porém temos o direito de exigir das autoridades que façam cumpri-la. 

Não estamos acusando ninguém, até porque, não sabemos de onde está partindo esta ofensa à natureza.

O BOSQUE ERA MAIS OU MENOS ASSIM:



 AGORA ESTÁ ASSIM:




 ISTO DÓI MUITO.

UMA PENA.
















 Aqui foi aberta uma rua.


 ESTA ARVORE ACIMA E AO FUNDO, É UMA DAS CENTENÁRIAS.







AQUI, SÃO CINCO LOTES CERCADOS.



quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

FALANDO DE POLÍTICA



                                                     FALANDO DE POLÍTICA

                O povo brasileiro se envolve em muitos assuntos, porém os dois que mais se destacam são futebol e política. Cada brasileiro é um técnico de futebol ou um analista político e eu me incluo nos dois. Como o futebol nesta época do ano fica em baixa, devido à paralisação dos campeonatos e como a política, em todo o tempo continua em alta, o assunto hoje é ela. Quase todo o povo brasileiro sabe que há poucos dias, outubro de 2014, aconteceu o pleito eleitoral,quando foram eleitos, Presidente da República, Deputados Federal e Estadual e Senadores. Os que venceram já foram empossados, os que perderam como sempre, ficam na expectativa dos que ganharam olharem para eles.

Como disse anteriormente, a política permanece viva o ano inteiro, tanto nos grandes centros quanto nos interiores. Nos lugares mais longínquos, deste país, neste momento tem alguém falando de política e aqui na nossa região, não é diferente.


 Na cidade de Campos dos Goitacazes, por exemplo, terra do ex governador e deputado federal, Garotinho, a situação política ficou muito complicada para o grupo da situação comandado pelo mesmo, devido à sua derrota para o governo do Estado. E o pior de tudo para o grupo do PR, é que para a próxima eleição de prefeito,  Garotinho não poderá lançar nenhum candidato da família, pois a Lei não permite, devido ao fato de já terem atingido o número de parentes como gestores no município e no Estado do Rio. Acontece que mesmo derrotado, não se pode negar a força política de Garotinho e família, não só em Campos, como em toda a região. É claro que transferir votos é muito difícil, porém se a prefeita Rosinha, nestes dois anos que faltam para governar, continuar fazendo um grande trabalho e indicar um candidato que caia na simpatia do povo, dar até para continuar, pois no grupo tem vários elementos aptos a disputar uma eleição. Eu arriscaria em citar alguns nomes, como o de Geraldo Pudim, professor Suledil Bernardino, professora Auxiliadora Freitas, Mauro Silva e até o Deputado Federal Paulo Feijó. Quem será o indicado?
      
 Com a vitória do governador Pesão, a coisa ficou mais favorável para o grupo da oposição campista, pois ele foi apoiado por muitos políticos e uma grande parte da população, opositores a Garotinho. É claro que na hora de um apoio político, o governador apoiará o grupo que o ajudou a vencer a eleição e na hora de uma escolha, para candidato a prefeito, cada partido puxa a brasa para a sua sardinha, mas hoje, não sei amanhã, os nomes mais prováveis a disputar uma eleição, no município de Campos dos Goitacazes, seria o do médico Dr. Arnaldo França Vianna e do Deputado João Peixoto, este último, muito ligado ao governador.


No município de São João da Barra, a coisa está mais calma, por enquanto. A oposição ainda  não se manifestou, mas com a vitória de Bruno Dauire, para deputado estadual, nas últimas eleições, com certeza o principal nome, será o do seu pai, Betinho Dauaire. Enquanto isso, a situação deve continuar apoiando a candidatura do atual prefeito Neco.





Em São Francisco de Itabapoana, a oposição, ainda está tímida e sufocada, por não ter um nome definido a ser indicado, para o pleito. Muito sem sal e talvez por questões pessoais, somente um determinado blog da cidade, cita o nome do deputado estadual João Peixoto, como provável candidato a prefeito, nas eleições de 2016. É claro que a este, se juntam alguns nomes de políticos, opositores ao atual prefeito Pedrinho Cherene. Porém são suposições, comentários, nas conversas de esquinas, a respeito dessa indicação, porém, de concreto, nada existe.  Acontece que, a população em si, ainda não ouviu da boca do deputado João Peixoto a intenção de participar das eleições de 2016. Seria eu, um hipócrita, em não querer reconhecer a carreira vitoriosa de João Peixoto, na política do Estado do Rio de Janeiro. Afinal de contas, poucos conseguirão chegar aonde ele chegou, se reelegendo deputado por cinco mandatos. Sinceramente, na minha humilde opinião, eu não acredito que o deputado João Peixoto, interromperia esta brilhante fase da sua vida política, arriscando uma candidatura a prefeito, só para atender aos anseios de uns poucos adversários do atual governo ou para atender ao ego da vaidade. O deputado, como um político inteligente, sabe que não se pode menosprezar o poderio da máquina administrativa. Voltando a um passado bem próximo, às eleições de 2012, quando o então vice prefeito, Frederico Barbosa Lemos, assumiu a prefeitura, no lugar de Beto Azevedo, que saiu por motivos que todos sabem, ele pegou um poder público falido, quebrado, endividado, sem crédito em todos os sentidos, com o mandato cassado e sem contar com as trapalhadas de alguns cabos eleitorais, assim mesmo, conseguiu fazer mais de doze mil votos e eleger seis dos treze vereadores. Observem que eu falei uma máquina falida.

Em janeiro de 2013, Pedrinho Cherene e Amaro Barros, eleitos nas eleições de 2012, assumem uma prefeitura, falida como já falei, com o único hospital do município, (HMMC), fechado por falta de médicos e atendentes, por estarem com três meses de salários atrasados, faltando remédios, tanto no hospital quanto nos postos de saúde, uma enorme dívida com a AMPLA e com o INSS, salários de funcionários atrasados, sem contar com as dividas aos fornecedores.

Demonstrando muita firmeza nas suas decisões, como primeiro ato, chamou os treze vereadores para perto, conversando particularmente com cada um, falando do seu plano de governo e recebeu de todos um voto de confiança, fazendo o Vereador do seu partido o PSC, Claudinho Viana, Presidente da Câmara dos vereadores. Chamou os fornecedores, a quem a prefeitura devia, fez um acerto, parcelando as dividas e vem pagando a todos. Com um ano de governo, já se sentia a olhos nus, que o Poder Público, não era mais o mesmo, existindo no ar, um voto de credibilidade, com os pagamentos dos funcionários, pagos dentro do mês, fornecedores recebendo em dia e muitas obras espalhadas pelo município, com recursos próprios. Eu citaria como exemplos duas delas: A galeria para receber as águas pluviais no centro da cidade, que antes, quando acontecia uma chuva mais forte, deixava os comerciantes e moradores daquela área em polvorosa e a reforma total da Unidade de Saúde de Barra do Itabapoana. Sem contar com a compra de cinco ambulâncias, também com recursos próprios. Outro fator importante na administração de Pedrinho Cherene foi o de ter as suas contas aprovadas, por unanimidade, pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio. Vem o segundo ano de gestão, o ritmo do governo, agora mais acelerado, se volta para as obras, que foram iniciadas, na gestão passada, com as verbas federais e estaduais e paralisadas, por falta de administração. Pedrinho Cherene, saiu do seu gabinete e passou a fazer caminho fundo, tanto para o Rio de Janeiro, para falar com o governador, como para Brasília, à procura dos deputados federais, afim de recuperar os recursos que estavam praticamente perdidos. Demonstrando uma grande habilidade política, o prefeito conseguiu a confiança de alguns deputados, até mesmo, daqueles poucos conhecidos da nossa classe política. Retomou então as obras da Escola Modelo, (já em funcionamento), da Rodoviária, do Centro Cultural e outras. Conseguiu juntamente ao governo do estado, a construção da Clínica Saúde da família. Com as verbas  federais, iniciou a construção de três grandes Postos de Saúde (Bom Lugar, Gargaú, Floresta e Imburi). O Posto de Imburi, foi uma reforma, porém seguindo o mesmo padrão dos outros três. Se fosse citar aqui, o que já foi feito, o que está sendo construído, o que está por construir e os projetos que estão sendo licitados, ficava aqui a noite inteira escrevendo e não terminava. E se preparem, em sua prestação de contas, do ano de 2014, o prefeito Pedrinho Cherene disse que em 2015, ele quer fazer muito mais do que fora feito nos dois anos que se passaram. Isto é só para lembrar aos menos informados, ou àqueles que estão vendo as coisas acontecerem positivamente e por teimosia, ou vaidade e ou por não quererem dar o braço a torcer, que o poder da máquina administrativa é muito forte. Como o brasileiro é muito teimoso e vaidoso, depois de tudo isto que falei, deve aparecer alguém para disputar uma eleição com o atual prefeito de São Francisco de Itabapoana. E que apareça, vivemos em um país democrático, onde todos têm o direito de escolha.

Acho uma falha muito grande na Legislação Brasileira. Para mim, o candidato que já exerce um cargo público (Senador, Deputado Estadual ou Deputado Federal, que saísse para disputar outro cargo, caso perdesse a eleição, não teria o direito de voltar ao anterior. Será que alguém arriscaria? 
Escrito por Jorge Lúcio Ferreira (Ponto de Prosa)

AMPRASC ANUNCIA ESCOLINHA DE FUTEBOL PARA 2015

Inscrições serão abertas a partir desta segunda-feira, 02. Iniciativa faz parte do Projeto “Desenvolvendo o Esporte por um Futuro Melhor”.

A Amprasc - Associação de Moradores da Praia de Santa Clara – anunciou um novo projeto pra 2015: “Desenvolvendo o Esporte por um Futuro Melhor”, que colocará a disposição de crianças e adolescentes, na faixa etária de 8 a 17 anos de idade de ambos os sexos, a Escolinha de Futebol da Amprasc.

As inscrições começam na próxima segunda, dia 02 de fevereiro de 2015, e vão até o dia 28 de fevereiro de 2015. Podem se inscrever atletas de qualquer localidade do município. As exigências para a inscrição são: CPF e RG do responsável, estar devidamente matriculado na rede de ensino, pois o projeto irá acompanhar o desempenho de cada um no meio escolar e exames médicos obrigatórios para a prática esportiva. 

"As crianças que não apresentarem essa última exigência serão encaminhadas pelo Projeto aos médicos da rede pública. Estamos muito felizes em podermos proporcionar a Escolinha de Futebol para nossas crianças", disse Jorge Lúcio Ferreira, presidente da Amprasc .


“Nossa meta com o projeto é ocupar a mente das crianças, adolescentes e jovens, e assim desviá-los dos caminhos perversos. Acreditamos que com a inserção de cada indivíduo no  esporte podemos oferecer um caminho melhor e um futuro promissor”, comentou Jeferson Cruz, diretor de eventos esportivos da Amprasc e professor da Escolinha de Futebol.
Fonte - Blog do Paulo Noel

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

CIRCO DA VIDA TRAZ KLEBER LUCAS E IRMÃO LÁZARO À SANTA CLARA

Confira as próximas atrações na programação do Projeto Missionário Circo da Vida 2015. No dia 30 de Janeiro sobe ao palco Kleber Lucas e Banda. No dia 05 de Fevereiro, pela primeira vez no Circo da Vida, direto de Salvador/BA, Irmão Lázaro e Banda.

A cada dia uma ministração diferente e muitas bênçãos de Deus. A temporada 2015 teve início no dia 31 de Dezembro e se estende até o dia 17 de Fevereiro, sempre de quinta-feira a domingo, a partir das 20 horas.

O Circo da vida atrai milhares de pessoas à Praia de Santa Clara, com uma programação que une a palavra de Deus à boa música gospel, além da evangelização através de outras manifestações artísticas, como o teatro e a dança com os grupos de coreografias. 
Em 2014 o projeto recebeu o reconhecimento do Estado do Rio de Janeiro com a aprovação da Lei Estadual que instituiu o dia 1º de janeiro como Dia do Circo da Vida e a terça-feira de Carnaval como o Dia do Bloco do Cordeiro. Tanto o Circo da Vida, quanto o Bloco do Cordeiro são iniciativas da Igreja Batista Praia Clara, em Santa Clara. Em 2015 o Circo da Vida entra em sua 13ª edição.
Fonte - Blog do Paulo Noel


terça-feira, 27 de janeiro de 2015

RIO RURAL EMERGENCIAL VAI BENEFICIAR PRODUTORES RURAIS DE SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA


O município de São Francisco de Itabapoana está entre os municípios do Estado do Rio de Janeiro que mais tem sido prejudicado nesse período de seca. Em busca de recursos para amenizar os impactos da estiagem na região, o prefeito Pedrinho Cherene  acompanhou, nesta segunda-feira (26), na cidade de Italva, no Noroeste do Estado,  o governador  Luiz Fernando Pezão,  na solenidade de lançamento do Rio Rural Emergencial, que são benefícios destinados  a pequenos produtores do Norte e Noroeste fluminense para o enfrentamento dos efeitos da estiagem no âmbito rural.
Com a previsão de beneficiar 13 mil produtores afetados com a seca, o valor de investimento anunciado pelo governador é de R$ 53 milhões, sendo oriundos  23 milhões governo do Estado e 30 milhões do programa Rio Rural. Os recursos serão aplicados durante todo ano de 2015 nas ações de implantação de sistemas de nutrição para os rebanhos, que sofrem com a escassez de pasto. Além disso, perfuração de poços artesianos para uso compartilhado entre os produtores rurais.
Segundo dados divulgados pela Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária, do ano passado até o momento, o Estado do Rio sofreu um prejuízo de R$ 100 milhões de reais. Pelo menos 13 mil agricultores foram prejudicados com a seca.  Somando com a perda de milhares de gados, o prejuízo alcança 26% no leite e 5% no hortifrúti.
O prefeito Pedrinho Cherene destaca a sua preocupação com os produtores rurais da região. “Quase cem por cento da nossa economia é oriunda da agricultura, por isso faz-se necessário unir esforços para diminuir significativamente os prejuízos decorrentes da seca. Acredito que todos saem dessa solenidade aliviados com as boas ações anunciadas pelo governador para beneficiar os pequenos produtores”, ressaltou
          O governador Pezão, anunciou, que, nesta próxima quarta-feira (28), vai apresentar à presidente Dilma Roussef um plano conter os prejuízos da estiagem. Ele explicou que a proposta foi elaborada por técnicos da Cedae e da Secretaria estadual do Ambiente.
“Presume-se que a estiagem vai continuar no próximo mês e, logo, algumas cidades continuarão sendo prejudicadas com a seca. Por isso vou discutir com a Presidente ações emergenciais e projetos para superarmos esse período de seca. Vale destacar o programa de reflorestamento das margens dos rios Paraíba do Sul e Guandu, além do projeto de saneamento da Região Metropolitana do Rio”, disse.
Participaram do evento diversos prefeitos da região Norte e Noroeste, o vice governador Francisco Dornelles; o secretário estadual de Agricultura, Christino Áureo; do representante do Banco Mundial, Gregor Wolf, e produtores rurais dos municípios das Regiões Norte e Noroeste.
Fonte Ascom

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGA MEGA OPERAÇÃO AO TRAFICO DE DROGAS EM SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA + INFORMAÇÕES


Polícias Civil Militar deram apoio à ação
Fotos: Filipe Lemos / Saulo Garcez / Campos 24 Horas
A Polícia Federal, com o apoio das Polícias Civil e Militar, deflagrou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (22-01) uma mega operação de combate ao tráfico de drogas em São Francisco de Itabapoana. 

Batizada de "Pule de 10", a operação mobilizou um forte aparato de segurança nas ruas da cidade. Policiais cumpriram mandados de prisão e de busca e apreensão pelo município. Até o momento nove pessoas foram presas e outras duas encaminhadas para a Delegacia da Polícia Federal em Campos.

A operação foi deflagrada após um trabalho de investigação de quatro meses, que contou com a participação das Polícias Federal, Civil e Militar.
Entre os presos, estão quatro irmãos e dois cunhados de J.A.C.B., 30, que seria dono de um sítio em São Francisco, onde foram apreendidas uma moto aquática e cerca de 300g de maconha.
J.A.C.B. foi preso em dezembro de 2014 com cerca de 40 kg de drogas. Ele seria o receptor de 17 tabletes de maconha encontrados com L.G.F., 21 anos e R.C.A.O., de 24, que contaram que apanharam o material na localidade de Degredo, em São João da Barra e seguiriam para São Francisco de Itabapoana.
A prisão de J.A.C.B. teria dado início a operação deflagrada nesta quinta e que percorreu pontos na sede de São Francisco e das localidades de Morro Alegre, Guaxindiba, Santa Clara, Estrada do Macuco e Gargaú.
Além do material localizado no sítio, foram apreendidos quatro carros e cerca de 50 kg de drogas entre maconha e cocaína.

A operação foi batizada numa alusão a apostas em corridas de cavalos. O chefe da quadrilha seria criador de cavalos de raça. A expressão “Pule de 10” tem característica marcante no turfe e significa que a vitória numa aposta é tranquila, uma barbada.
Fonte - blog do Paulo Noel e Site Ururau

DEFLAGRADA MEGA OPERAÇÃO DE COMBATE AO TRÁFICO DE DROGAS EM SFI.


Polícias Civil, Federal Militar trabalham na ação
Foi deflagrada nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (22-01) uma mega operação de combate ao tráfico de drogas em São Francisco de Itabapoana. Um forte aparato de segurança está nas ruas do município. Trabalham na operação as Polícias Civil, Federal e Militar . Policiais estão cumprindo mandados de prisão e de busca e apreensão pelo município. Já há ao menos cinco pessoas presas.

O Blog esteve na 147ª Delegacia Legal de SFI com a delegada Ivana Morgado. Ela informou que por enquanto não pode dar detalhes da operação policial. Disse que, ainda hoje, as Polícias vão divulgar uma nota, além de darem uma entrevista coletiva à imprensa.
Mais detalhes em instantes...
Fonte - Blog do Paulo Noel

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

COLÔNIA DE FÉRIAS GRATUITA COM MUITA DIVERSÇÃO PARA A CRIANÇADA EM SFI



Cerca de 300 crianças e adolescentes que são atendidas pelos núcleos de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, da Secretaria do Trabalho, Assistência e Promoção Social (SMTAPS) de São Francisco de Itabapoana, estão participando durante o mês de janeiro da Colônia de férias, que conta diversas atividades lúdicas e oficinas gratuitas, como,  Arte, Dança, Capoeira, Música (canto coral), Contação de Histórias,  Jogos, Recreação, Jiu- Jitsu, Sonetos, informática  e Sala de Cinema.


A coordenadora do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Gelly Sales, explicou que o objetivo da colônia de férias é proporcionar a integração, trocas de  experiências, momentos de lazer e cultura entre os participantes. “A colônia de férias é um meio de tirar as crianças e adolescentes do ócio, ocupando o tempo deles com atividades importantes para o seu crescimento humano e suas relações sociais”, disse.

O evento, que é realizado pela SMTAPS, começou nesta segunda-feira (19)  e  está  acontecendo nas dependências do Colégio Estadual São Francisco de Paula.  Os participantes chegam pela manhã e fazem a primeira refeição do dia. Logo após,  são distribuídos em grupos, separados por cores distintas,  para as oficinas direcionadas com temas propostos. O almoço acontece entre 11h30 e 12h30. Após este período, as atividades são retomadas até as 15h30, quando todos recebem o lanche da tarde e são encaminhados de volta para seus lares.


 A equipe da colônia de férias dispõe de orientadores, monitores, facilitadores, equipe de apoio, cozinheira, técnica de enfermagem e supervisão geral do Diretor de Projetos da Secretaria de Assistência Social.
A Secretária de Trabalho, da Assistência e Promoção Social, Dayse Tavares, destaca importância da participação de todos os núcleos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos no mesmo local. 

“ A colônia de férias não busca apenas oferecer entretenimento, mas, sobretudo, o companheirismo, a união,  a solidariedade e a boa convivência entre os participantes, contribuindo, assim, para o seu desenvolvimento pessoal e, logo, a vida em sociedade”, ressaltou.
Além das atividades lúdicas os participantes vão assistir a uma palestra sobre higiene corporal, ministrada pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde. Haverá desfile garoto e garota Colônia de Férias.  
    
O estudante, Erick James, de 13 anos, falou da sua satisfação em participar pela primeira vez da Colônia de Férias. “Estou muito feliz. Está sendo uma das melhores férias que já tive. Tem várias opções para se divertir com os meus amigos e fazer novas amizades”, contou
Fonte Ascom
https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif